Chile Frio Intenso e Moderado

Inverno no Chile: veja como se vestir no país em sua próxima viagem!

3 de Fevereiro de 2021
Inverno no Chile

Como se vestir no inverno no Chile é uma pergunta que recebemos com alguma frequência, seja nas redes sociais ou em nossas lojas físicas. Viajantes que desejam se preparar da melhor forma para visitar o nosso país vizinho, um dos mais encantadores da América do Sul, esse post é para vocês. Acomode-se por aí e continue a leitura pois, neste post, a Oficina de Inverno traz todas as informações necessárias para o seu planejamento!

Neste post, você vai encontrar uma série de informações respondendo:

  • Como é o inverno no Chile?
  • Quais peças são essenciais para o inverno no Chile?
  • O que devo levar em consideração ao escolher as roupas de frio para usar no Chile?

Antes de montar a mala de viagem, conheça o clima do Chile no inverno

Circuito W, em Torres del Paine

Circuito W, em Torres del Paine, durante a viagem da Mamute Viajante Marília Gonzaga – Foto: cortesia de Marília Gonzaga

A nossa observação inicial quando se trata da montagem da mala para viajar é observar o clima no seu destino no período da viagem. Sabemos que o clima costuma se comportar de uma forma relativamente previsível em cada estação, porém a cada ano o clima também apresenta suas particularidades.

Para conhecer melhor o clima no período da viagem é, portanto, essencial verificar a previsão do tempo. Para realizar essa pesquisa, nós recomendamos o site AccuWeather, uma plataforma bastante completa e com funções interessantes, como é o caso do Real Feel, que mostra a sensação térmica real em uma dada temperatura.

Feita esta introdução, vamos às dicas e informações sobre o clima no Chile.

  • Localização e clima no Chile

País vizinho do Brasil, o Chile fica localizado no hemisfério Sul do planeta Terra. Assim, a estação mais fria do ano começa em junho e vai até setembro. Nesse período, as temperaturas em terras chilenas são bastante baixas, especialmente nas montanhas, onde há presença de neve. Aliás, vale ressaltar: para quem deseja a certeza de ver neve na viagem e aproveitar para esquiar bastante, o inverno é o período ideal para visitar o país.

Como dito anteriormente, o clima depende do período do ano e do local em que você vai ficar. Por exemplo: ver neve em Santiago não é algo comum, mas pode contar com ela nas montanhas que ficam nas proximidades da cidade.

Em termos das médias mínimas, as temperaturas podem chegar a 0ºC e mesmo graus negativos na cidade de Santiago, capital do Chile. De forma geral, faz bastante frio, mas não costuma nevar.

  • Você sabia que pode estar mais frio do que é mostrado no termômetro?

A sensação térmica nem sempre corresponde à temperatura real – aquela medida e mostrada no termômetro. Assim, o frio nas montanhas ao redor de Santiago é bem maior que na capital chilena por ter outros fatores que influenciam nesta equação: o vento, a umidade e a neve. É necessário atenção a isso para escolher as roupas certas pra levar na mala de viagem.


Como se vestir adequadamente durante o inverno no Chile?

Para começo de conversa, o tipo de roupa mais apropriado vai depender do tipo de passeio que você irá fazer (é mais urbano ou vai esquiar?) e a região que você vai ficar. Contextualizando: Santiago pode passar anos e mais anos sem nevar, enquanto nas estações de esqui – a exemplo de Valle Nevado, Farellones, El Colorado e La Parva – há neve todos os anos.

Por isso, para escolher a roupa a se levar durante a viagem, é essencial levar esses detalhes em consideração. Entretanto, vale o alerta: algumas peças são essenciais independentemente do local. Por exemplo: se há frio moderado ou intenso, a roupa térmica é imprescindível quer você esteja na cidade ou nas montanhas esquiando. Além disso, é importante priorizar tecidos produzidos com fios naturais e sintéticos e esquecer do algodão! O fio é poroso e não protege do frio, pois a trama facilita a entrada do vento frio.


Como se vestir no inverno no Chile durante o frio intenso
(abaixo de 5ºC)

Agora que você já conhece as especificidades do clima no Chile, confira as dicas da Oficina de Inverno para montar uma mala de inverno imbatível!

No frio intenso (abaixo de 5ºC) é fundamental lançar mão do sistema de camadas de roupas. Nessa forma de se vestir você alinha as funções de cada peça de roupas para proporcionar o maior aquecimento. Veja:

1. Primeira camada

O que levar na mala de viagem para o Chile

A primeira camada é formada por roupa térmica, luvas e meias térmicas. E se você nos permite dar um conselho que vai salvar a sua viagem, ouça: invista em uma roupa térmica de qualidade! Mesmo que você não possa levar tantos acessórios ou roupas de frio variadas por uma questão de espaço na mala ou economia de dinheiro mesmo, invista em uma roupa térmica que vá te proteger de fato.

Na Oficina de Inverno, temos dois modelos de térmicas: a Basics e a Super Térmica. Contudo, para o frio do inverno no Chile, nós indicamos a segunda opção por ser o nosso modelo mais completo para cumprir a função que se espera de uma boa térmica: manter o calor corporal retido, deixando você bem aquecida(o).

E por que a roupa e os acessórios térmicos são essenciais no frio intenso? Aqui, retornamos ao ponto anterior: com as baixas temperaturas, vento e umidade, a sensação térmica pode estar bem mais baixa que a temperatura marcada no termômetro. Desse modo, a roupa e acessórios térmicos garantirão o aquecimento.

Confira as opções de roupas de frio para usar na primeira camada:

Roupa Super Térmica
≫ Luvas Térmicas + Nevasca ou de couro Mônaco
Meias Super Snow + Palmilhas de lã natural

2. Segunda camada

Inverno no Chile

Chegamos agora à segunda camada de roupas, o ponto intermediário desse sistema. Nessa segunda fase, buscamos reforçar o aquecimento atingido pela primeira camada. Nesta etapa, use roupas que possuem uma trama fechada em seu tecido. Esqueça as peças de algodão em casa! É o caso do jeans, peça que não recomendamos para o frio intenso por ser feito de um material poroso (o algodão), que facilita o contato do vento e frio com o corpo.

Recomendamos aquelas roupas confeccionadas com tecido acrílico, lã ou cashmere para as blusas e acrílico ou fleece para as calças.

Confira as opções de roupas de frio para usar na segunda camada:

Blusas de Tricot (de lã natural ou sintética)
Calça de frio
Para mulheres: calça de tricot reta ou legging (por exemplo, o modelo Invernada)
Para homens: calça de lã, como por exemplo, o modelo Winter
Botas de couro forradas
E atenção: caso a bota não seja forrada, use a palmilha de lã natural junto.

3. Terceira camada

Como se vestir no inverno no Chile

Para arrematar uma produção que de fato vai lhe proteger contra o frio intenso no Chile, não deixe de levar as peças que compõem a terceira camada neste sistema. São elas: casacos, gorros ou boinas, gola e faixa térmica, protetores de orelhas e cachecóis.

Confira as opções de roupas de frio para usar na terceira camada:

Casacos Doudoune com peluche ou Jaqueta Winter Explorer
Gorros: Winter, Nevasca e/ou Sibéria
Faixa térmica Nevasca e/ou protetores de orelhas Winter Power
Cachecóis Nevasca e/ou Gola Nevasca

Você acabou de ver o guia básico de como se vestir no frio no Chile. Mas não ficamos satisfeitos e, por isso, nosso time de experts em frio selecionou 4 peças que não podem faltar na sua mala de viagem. Confira no tópico a seguir!


4 peças essenciais na mala de viagem para o Chile

Para te ajudar a levar na mala as peças que têm mais a ver com o clima chileno, selecionamos 4 peças essenciais para a viagem! Confira:

1. Roupa Super Térmica

Como se vestir no inverno no Chile

A roupa Super Térmica é ideal para frio moderado e intenso e possui uma série de vantagens. Entre elas, o controle de suor e a transpirabilidade, fatores que permitem a pele ficar sequinha. Além disso, a Super Térmica pode ser usada por até 7 dias sem precisar lavar e sem produção de maus odores. Isso acontece porque nossa térmica é produzida com tecido tecnológico antibacteriano. Veja mais detalhes sobre a Super Térmica neste vídeo.

2. Cachecol Invernada ou Gola Térmica Nevasca

Inverno no Chile

Neste tópico, inserimos duas opções para abarcar as diferentes possibilidades de destinos dentro do Chile. Se você estiver visitando Santiago, por exemplo, onde não há grande possibilidade de neve e nem muitos ventos, o cachecol Invernada funciona bem. Opte por modelos térmicos, que esquentam mais.

Já para as estações de esqui ou a Cordilheira dos Andes, por exemplo, você pode usar apenas a gola térmica Nevasca (que pode ser usada levantando até a altura do nariz para protegê-lo do vento e frio) ou combiná-la com o cachecol térmico.

3. Calça legging Invernada Stripe

O que levar na mala de viagem para o Chile

Estamos quase finalizando a nossa lista, mas não poderíamos deixar de lado outra peça importante: a calça de frio. Para o inverno no Chile, seja na cidade ou nas montanhas, recomendamos a calça legging Invernada que deve vir acompanhada, é claro, da calça térmica.

4. Meia térmica + palmilha de lã

Como se vestir no inverno no Chile

Para manter os pés quentinhos durante o inverno no Chile, outro item importantíssimo é a meia térmica. O item, produzido com lã natural, protege os pés durante as temperaturas mais baixas. Essa proteção é importante pois as extremidades do corpo – mãos, pés e cabeça – são as partes que mais sofrem com as baixas temperaturas.

Para complementar o combo “pés protegidos contra o frio”, não esqueça das palmilhas de lã natural. A peça é responsável por potencializar o aquecimento junto às meias térmicas. Além disso, tem como vantagem uma fácil adaptação a todos os formatos de pés. Basta fazer um recorte de acordo com o calçado para manter o conforto em suas andanças durante o inverno no Chile. Veja mais detalhes sobre como usar a peça aqui.


Conheça o Chile com as dicas imperdíveis da Oficina de Inverno!

Você já conhece o Chile ou está planejando uma primeira viagem? Seja qual for o seu caso, o país reserva boas surpresas a cada nova visita, então você certamente só tem a ganhar em escolher o destino. Além da proximidade geográfica e linguística, conhecer o Chile tem muitas outras vantagens para os brasileiros.

A cultura é riquíssima e há muito o que ver por lá: desde a Patagônia ao deserto do Atacama, passando pela linda Santiago e as estações de esqui. Com isso em mente, o time de experts da Oficina de Inverno reuniu diversos posts com informações e dicas úteis sobre o país, que você pode conferir gratuitamente!

>> Saiba mais sobre o Chile os guias da Oficina de Inverno clicando aqui.


Dicas extras do Mamute para uma viagem inesquecível!

Fique atento a guias turísticos ou agências que orientam ou dizem que você precisa comprar roupas de neve para visitar as estações de esqui. Esse tipo de exigência é abusiva. O legal de ter suas próprias roupas, especialmente se você é um viajante assíduo para destinos de inverno, é que roupas de qualidade vão ficar com você por muito invernos! Assim, ter suas próprias roupas de frio para essas situações representa um custo-benefício enorme! Uma exceção é o caso das botas que geralmente são vendidas ou disponibilizadas para aluguel nesses locais, que realmente ajudam muito.

Ademais, para além do fator “roupas essenciais para levar na mala de viagem”, é importantíssimo levar com você também muita cautela. O período de neve exige alguns cuidados extras que nós, brasileiros, não estamos muito habituados. O caminho de Santiago até as estações de esqui, para além da neve, apresenta muitas curvas, por isso é recomendável que você não faça esse trajeto por conta própria, alugando um carro. Aproveite a experiência de quem já vive e trabalha no país e aventure-se com segurança!

Para concluir as dicas extras do Mamute, confira os posts complementares que selecionamos para ler ao finalizar este guia:

  • O que levar na mala de inverno compacta: guia completo (leia aqui!)
  • Qual o melhor casaco para o frio intenso? (leia aqui!)
  • Atacama: veja dicas de looks para 5 passeios imperdíveis (leia aqui!)

Para adquirir essas e outras peças, é muito simples: basta acessar o nosso Iglu Virtual em www.oficinadeinverno.com.br. Também estamos nas cidades de Teresina, Fortaleza e Goiânia, onde você encontra os nossos Iglus Físicos. Os endereços estão disponíveis neste link. Para compras online, entregamos para todo o Brasil!

Acompanhe também nossas dicas no Instagram. O perfil é @oficinadeinverno!

    Leave a Reply