Mamute Cultural Uruguai

Roteiro de viagem: 5 pontos turísticos no Uruguai + bônus!

13 de agosto de 2018

O Uruguai, esse pequeno país na América do Sul, vem chamando cada vez mais atenção por suas possibilidades turísticas. E olha que não são poucas! Nesse post, a Oficina de Inverno traz cinco pontos turísticos no Uruguai para você considerar um pulinho até a terra dos nossos vizinhos.

Por muito tempo deixados de lado por vários brasileiros quando cogitavam viagens internacionais, os países sulamericanos têm atraído mais visitantes do nosso país. Esse movimento é bastante positivo e justifica-se especialmente quando se pensa em menos burocracia e custos mais acessíveis.

Com uma extensão de 176 mil quilômetros quadrados, o Uruguai é um pouco maior do que o Acre e caberia com sobra em vários outros estados brasileiros. No Uruguai o fuso horário é o mesmo do Brasil, há voos diretos para o país (via São Paulo, Rio de Janeiro e Porto Alegre), a moeda é o peso uruguaio, com cotação abaixo do real (agosto de 2018), o que representa uma vantagem para o brasileiro que planeja se aventurar pelo país.

Vamos, então, às 5 atrações turísticas selecionadas pelos mamutes da Oficina de Inverno?

1. MERCADO DEL PUERTO

Na capital Montevidéu, o Mercado del Puerto é parada imperdível! Por lá, além de observar todo o aspecto cultural e as atividades oferecidas, você vai encontrar todas as delícias da gastronomia uruguaia em só lugar… dos vinhos ao doce de leite e alfajor!

2. PUNTA DEL ESTE

Considerado o balneário mais luxuoso da América do Sul em 2008 pela revista Forbes, Punta Del Este é mesmo um dos pontos turísticos no Uruguai que vale a pena.  A “Ponta do Leste” fica localizada na extremidade oriental do Uruguai e atrai muitos argentinos e brasileiros, especialmente gaúchos (devido a proximidade com o país).

Apesar de ser mais agitada no verão, Punta del Este é bastante charmosa no inverno. Se você gosta da tranquilidade da baixa estação, esse sem dúvida é o lugar! Dica do mamute: em alguns meses do ano, na baixa estação, vários pontos da cidade ficam fechados. Fique atento, informe-se antes de viajar e não tenha surpresas!

3. CABO POLÔNIO

Se você deseja algo mais ligado a aventura e conexão com a natureza, o Cabo Polonio é uma boa pedida. Localizado a 260 quilômetro de Montevidéu, a simpática vila no litoral uruguaio é simplesmente um dos mais tranquilos que você pode encontrar no país. Por lá, é possível se hospedar em hotéis ou casas simples. Em muitas delas, não há nem energia elétrica! Se você quer ser desconectar de tudo, Cabo Polonio é o lugar! Você pode fazer o trajeto de carro ou de ônibus.

4. COLONIA DEL SACRAMENTO

Pontos turísticos no Uruguai

Outro dos pontos turísticos no Uruguai bastante visitado é a Colonia del Sacramento, que na verdade é uma cidade do país. As charmosas casas com portas convidativas a uma foto, as ruas com uma aura de tranquilidade são alguns dos pontos que geram interesse no local.

Quando se fala na arquitetura do lugar, lembra bastante a cidade de Paraty, no Rio de Janeiro. Em 1995, a UNESCO declarou a Colonia del Sacramento como Patrimônio Mundial da Humanidade.

Por lá, não deixe de visitar o Centro BIT, bairro histórico, a Calle de los Suspiros (Rua dos Suspiros), o Museu Português, o Portão de Campo e o farol. E aposte em passear pela cidade a pé ou de bicicleta. Vale a pena!

5. SALTO

Essa é mais uma daquelas cidades que não se ouve falar muito, mas vale desbravar, sabe? Salto é uma cidade cheia de coisas para ver. Por lá, não deixe de visitar as águas termais da cidade e degustar os bons vinhos. Uma curiosidade sobre a cidade (se você curte futebol) é que os jogadores Suárez e Cavani são de lá.

BÔNUS TRACK:
O QUE VOCÊ PRECISA SABER ANTES DE VIAJAR

  • O Uruguai não exige o passaporte para a entrada de brasileiros. Se você não é do tipo colecionador de carimbos ou não quer ter que desembolsar uma grana extra para viajar, basta apresentar o documento de identidade na imigração. Vale lembrar que outros documentos oficiais com foto não são aceitos, apenas o RG. As únicas exigências são o bom estado de conservação do documento e ter sido emitido há menos de 10 anos.
  • Muitos estabelecimentos no Uruguai aceitam a nossa moeda. Essa pode ser uma vantagem caso não queira fazer o câmbio ainda no aeroporto – o que muitas vezes representa perdas. Apesar disso, bom mesmo é utilizar a moeda local, afinal é aceita em todos os locais. Mas não deixa de ser uma comodidade, né?
  • Usar cartão de crédito pode ser uma boa. Fique atento à cotação para não ter sustos na fatura e aproveite essa forma descomplicada de realizar pagamentos. De quebra, você garante 9% de devolução na fatura.
  • A carteira de habilitação brasileira é aceita por lá. Assim, não há necessidade de carteira internacional. Sendo o Uruguai um país pequeno, com distâncias curtas entre as cidades, vale a pena alugar um carro e se aventurar! Dica esperta: no caso dos pedágios, apenas pesos uruguaios são aceitos.
  • Se o espanhol não é o seu forte, pode ficar tranquilo: o uruguaio consegue se comunicar bem no nosso bom e velho português, por isso vale apostar no portunhol no Uruguai.

E você, tem alguma viagem para compartilhar com a gente? É só marcar a hashtag #mamuteviajante no Instagram ou Facebook!

Leave a Reply