Instagram

Instagram did not return a 200.

Siga o Mamute!

África do Sul Mamute Cultural

O que fazer em Cape Town: conheça a maravilhosa cidade, uma das capitais da África do Sul

12 de julho de 2020
O que fazer em Cape Town

Conhecida como “Mother City”, Cape Town, ou Cidade do Cabo, é uma das três capitais da África do Sul e guarda muita coisa bacana pra ser vista, experiências de vida e um abrir de olhos para uma rota bem diferente do que, tradicionalmente, as pessoas se acostumaram a associar com o continente africano. Visitar Cape Town é sair do comodismo e se encantar com as maravilhas que a cidade oferece! Por isso, a Oficina de Inverno traz neste post dicas para quem busca o que fazer em Cape Town.

Se você curte um passeio à beira-mar ou nas montanhas, esse é o lugar! Quer ver museus? Tem também. Natureza e vida cultural intensa lado a lado em Cape Town. A cidade tem um inverno que lembra bastante o de algumas cidades do Brasil. As temperaturas no inverno variam entre 4ºC e 12ºC. O fuso horário é de 5 horas à frente do nosso.


O que fazer em Cape Town

Para ajudá-lo(a) a montar o seu roteiro de viagem em Cape Town, listamos abaixo 21 atrações turísticas na cidade (com alguns extras!). Com a quantidade de pontos listados, dá para montar roteiros com mais ou menos dias. Verifique o que mais lhe interessa e inclua agora mesmo na sua wishlist de Cape Town!

1. Table Mountain

Table Mountain - Cape Town

O que fazer em Cape Town: Table Mountain. A vista das montanhas faz valer a pena a trilha para subir até o topo – Foto: Arquivo Oficina de Inverno

A famosa e imponente montanha que pode ser vista da beira-mar é um dos cartões postais de Cape Town. Sendo o inverno lá na África do Sul mais seco, a ida até lá se torna bastante possível – e, porque não dizer, até mais interessante! A montanha, eleita uma das Sete Novas Maravilhas Naturais do Mundo, está localizada dentro do Table Mountain National Park, ao redor da Table Bay, a baía de Cape Town.

Para subir a Table Mountain, você pode escolher entre o Cableway (o teleférico em operação no local) ou pode ir a pé (a trilha de duas horas é espetacular!). Do topo, de presente, a maravilhosa vista do mar e da cidade ao redor.

Esse é um lugar magnífico! Aproveite o dia que estiver fazendo sol, porque quando está muito nublado/chuvoso o local fecha (por isso nunca deixe Table Mountain para o último dia da viagem). A Table Mountain tem opções por níveis de cansaço, digamos assim: você pode escalar (para os fortes), ir de bondinho e caminhar muito lá em cima ou ir de bondinho e aproveitar só pertinho. Todas essas opções válidas de acordo com a sua animação. Segundo a mamute Júlia Evangelista, cofundadora da Oficina de Inverno, ver todos os mirantes vale a pena, porque a vista de um não é a mesma do outro.

Ela ainda ensina outro truque: dá para comprar o ticket online para não perder tempo na fila quando chega lá. São duas filas: uma para quem já comprou online – que é mais rápida – e outra para comprar na hora.

2. Kirstenbosch National Botanical Garden

Pontos turísticos de Cape Town

O que fazer em Cape Town: Jardim Botânico. Este é um local excelente para relaxar após um dia de passeios agitados – Foto: Arquivo Oficina de Inverno

O segundo ponto da nossa lista é o Kirstenbosch National Botanical Garden, o jardim botânico de Cape Town, presente na cidade desde 1913. O local é lindo, bem organizado e se você gosta de estar em contato com a natureza – abundante em Cape Town –, visitá-lo é essencial. Há milhares de espécies preservadas neste espaço, que é Patrimônio Mundial da Unesco desde 2004. Se estiver a fim, dá até pra fazer um piquenique por lá!

Dica do mamute: o Jardim Botânico fica pertinho da Table Mountain, então dá para fazer os dois no mesmo dia (recomendamos o Jardim Botânico após para você ir sem pressa). Lá dentro tem um restaurante muito bom, mas você também pode levar delícias para fazer um lindo piquenique!

3. Signal Hill

Também pertinho de Table Mountain está a colina Signal Hill, um local onde as pessoas costumam ir especialmente para curtir o pôr-do-sol na Cidade do Cabo. Também fica próxima de Table Mountain (ponto 1 da lista) e de Lion’s Head, que você verá adiante. Você pode observar o céu e contemplar também a cidade, já que Signal Hill funciona como uma espécie de mirante na cidade. Por lá você encontra uma das molduras amarelas da cidade (veja a imagem de capa deste post).

4. Cabo da Boa Esperança

O que fazer em Cape Town

O que fazer em Cape Town: Cabo da Boa Esperança – Foto: Arquivo Oficina de Inverno

Com o título de “ponto mais ao sudoeste do continente africano”, o Cabo da Boa Esperança é conhecido pelas histórias de monstros e tempestades que ouvimos falar na escola sobre as “conquistas” portuguesas e a busca pelo caminho das Índias. Vasco da Gama passou por lá e o local foi batizado pelo rei português Dom João II, que antes era conhecido como Cabo das Tormentas. Não deixe de visitar as belezas naturais desse lugar!

Prepare as pernas, porque é preciso fazer um esforço (mais na subida do que na descida). São duas horas até chegar no topo. Por ser na costa e os ventos serem frequentes, a sensação térmica fica um pouco mais baixa. No entanto, logo no começo o calor chega com o esforço da caminhada, então lembre de levar uma mochila para guardar as camadas de roupa que for tirando. “Água e câmera para registrar a vista do topo são imprescindíveis”, aconselha a mamute Júlia.

5. Cape Point

Ida até Cape Point, próximo de Cape Town

O que fazer em Cape Town: ir até Cape Point – Foto: capetown.travel

Localizado a uma hora de Cape Town, Cape Point é um lugar conhecido como ponto de encontro entre os oceanos Atlântico e Índico. A afirmação é alvo de controvérsias, pois há aqueles que reivindicam para si próprios o título, como é o caso de Cape Agulhas. O fato é que o local é bastante visitado e vale a pena alocar um espaço no seu roteiro para conhecer Cape Point, com sua belíssima vista, praias e colinas.

6. O tradicional bairro Bo-Kaap

Roteiro em Cape Town

O que fazer em Cape Town: visitar o colorido bairro de Bo-Kaap – Foto: Arquivo Oficina de Inverno

Localizado na área central de Cape Town, Bo-Kaap reúne muita história e referências e é mais um dos pontos de onde se pode ver a Table Mountain. O bairro foi declarado Patrimônio Nacional da África do Sul e as casas coloridas, comuns no local, chamam atenção, mas são apenas um dos componentes que atraem os visitantes.

A multiculturalidade que pulsa forte por ali é um prato cheio para quem anda em busca de boas histórias e conhecer a fundo outras culturas. A cultura islâmica, por exemplo, tem forte influência ali, já que o bairro foi ocupado por muitos muçulmanos, que em várias situações impuseram sua cultura. Inicialmente, foi ocupado por escravos trazidos de várias partes da África.

Se passar por lá, não deixe de visitar também o Bo-Kaap Museum.

7. Stellenbosch

Ida até Stellenbosch a partir de Cape Town

O que fazer em Cape Town: ida a Stellenbosch,. Esta é uma das várias – e encantadoras – regiões vinícolas africanas – Foto: Arquivo Oficina de Inverno

A mamute Júlia explica que Stellenbosch é a maior região produtora de vinhos na África do Sul e fica pertinho de Cape Town. Segundo ela, o que não falta são opções de vinícolas para visitar e até se hospedar. Sim, algumas vinícolas tem hotéis e pousadas dentro! Quando visitou Cape Town, Júlia e a família se hospedaram em uma vinícola que tinha mais de 100 anos. “Era um sonho acordar com aquela paisagem”, ela conta, encantada.

Uma vinícola mais movimentada para quem vai em família é a Spier. Ela virou querida entre os turistas por ter uma variedade de restaurantes e atividades dentro dela (com diversos preços também), agradando de crianças a idosos. “Para quem vai querendo algo mais low profile, melhor optar por vinícolas menores”, complementa a mamute Júlia Evangelista.

8. District Six Museum

O que fazer em Cape Town

O que fazer em Cape Town: District Six Museum. Conhecer um pouco mais da história sul-africana no District Six Museum é outra opção turística por lá – Foto: What’s On @ D6M

O District Six Museum relembra a história dos mais de 60 mil negros que foram expulsos desse bairro e tiveram suas casas demolidas, transformando a área em um bairro de brancos. Com um material multimídia, você pode entrar em contato com a realidade da época e conhecer um pouco dessa parte triste da história de Cape Town. Os ingressos podem ser adquiridos online, aqui.

Vale a pena visitar não apenas o museu, como conhecer o bairro como um todo.

9. Victoria & Alfred Waterfront

Vídeo publicado pelo canal V&A Waterfront, no Youtube

Um dos locais mais encantadores da cidade certamente é Victoria & Alfred Waterfront, também chamado V&A ou Waterfront, fica no coração do burburinho turístico da cidade. Ali estão reunidos diversos pontos turísticos da cidade, como museus, o aquário Two Oceans e até roda gigante, além de ser um centro de compras em Cape Town, com lojas e shoppings. É lá também que fica o Zeitz Museum, que você verá a seguir.

10. Zeitz Museum of Contemporary Art Africa

Vídeo publicado pelo canal Zeitz MOCAA, no YouTube

O Zeitz Museum of Contemporary Art Africa é outro museu que vale a pena conhecer por lá! Através de um trabalho de vários anos, o museu coleciona, preserva, pesquisa e exibe arte contemporânea sobre a África e a diáspora africana, que é o nome como ficou conhecido a imigração forçada dos africanos com fins escravagistas.

11. Castelo da Boa Esperança

O Castelo da Boa Esperança, hoje um museu em Cape Town, é uma fortaleza típica da Holanda e uma das heranças da colonização holandesa. Hoje é um museu militar e sede das forças militares. O museu abriga armas, munições, uniformes e mapas, além da Coleção William Fehr, com quadros, móveis e porcelana. Do castelo é possível avistar a Table Mountain.

12. The Old Biscuit Mill Market

Localizado em Woodstock, The Old Biscuit Mill Market é outra joia em solo africano. Ideal para quem não resiste a bons mercados durante as viagens que faz, o lugar é um mix de lojas de diversos produtos, mas o destaque mesmo fica por conta da área gastronômica. Neste espaço você vai poder conferir os temperos e sabores locais – e outros nem tanto. O mercado abre apenas aos sábados, então se você deseja visitar, fique atento!

13. Constantia

Vídeo publicado pelo canal Business Essentials, no YouTube

Voltando ao assunto vinícolas na África do Sul – um tópico deveras interessante e promissor por lá –, uma outra opção é Constantia. No distrito você vai encontrar diversas vinícolas, como é o caso de Groot Constantia, a mais antiga de Cape Town. É uma opção mais acessível do que outras vinícolas na cidade e, por ser mais próxima da região central da cidade, é ideal para quem tem pouco tempo por lá – Stellenbosch, que você conheceu acima, fica mais distante.

14. Company’s Garden

Viagem para Cape Town

O que fazer em Cape Town: Company’s Garden – Foto: Instagram @lovecapetown

 

Um bom roteiro na Cidade do Cabo inclui também um passeio em Company’s Garden. É daqueles lugares unânimes que é preferência entre locais e turistas. Segundo o órgão de turismo da cidade, é o jardim mais antigo da África do Sul, no coração de Cape Town. As árvores foram originalmente plantadas na década de 1650 pelos primeiros colonizadores europeus.

15. Lion’s Head

O que fazer em Cape Town: Lion’s Head – Vídeo publicado pelo canal WOLVES, no YouTube

Quando estiver em Cape Town você pode também fazer uma trilha até o topo da Lion’s Head, outra famosa montanha da cidade. Do topo, você vai avistar a Table Mountain e boa parte de Cape Town – com destaque para Camps Bay –, o que é um combo e tanto. É um passeio divertido e faz parte do que é conhecer esta cidade tão especial. Antes de passarmos para o próximo ponto, mais uma dica: não deixe de passar pela Wally’s Cave, uma caverna com uma vista espetacular para Table Mountain.

16. Clifton Beaches

Em Cape Town você também vai encontrar belas praias que valem a pena conhecer mesmo no inverno. Uma delas é Clifton Beach, que na verdade são quatro praias com essa denominação. A cerca de dez minutos do centro de Cape Town, estas praias são divididas não apenas por nome e espaço, como também nos seus frequentadores, com destaque para a praia de nº 4, a mais popular de todas. Independente disso, é uma praia para todas as tribos e que vale a visita!

17. Camps Bay

O que fazer em Cape Town: Camps Bay – Vídeo publicado pelo canal for the love of Airports, no YouTube

Pertinho de Clifton Beach fica a Camps Bay, talvez a mais famosa praia da cidade. Fica na área nobre da cidade e no seu entorno há muitos cafés, restaurantes e lojas, além de um calçadão para passear. Há muitas casas também por ali, de frente para o mar. Imperdível!

18. The Cape Wheel

Comentamos rapidamente sobre a roda gigante localizada em V&A e voltamos a ela para recomendar um passeio na The Cape Wheel. O local oferece uma outra perspectiva para contemplar Cape Town e todo seu esplendor. Confira valores, horário de funcionamento e outras informações no site oficial.

19. Para curtir a noite em Cape Town: The Crypt

Confira uma apresentação de jazz no bar The Crypt – Vídeo publicado pelo canal Moreira Chonguiça, no YouTube

Você também vai querer curtir a noite em Cape Town, não é mesmo? Para fazê-lo, que tal o The Crypt? Por mais diferente que pareça, o espaço fica na cripta da Catedral St. Georges, situado no Company’s Garden – você pode emendar os dois passeios. O bar conta não só com restaurante, como também há música ao vivo. Aliás, é considerado um dos melhores bares de jazz não só da cidade, como do país.

20. Truth Coffee Roasting

Vídeo publicado pelo canal Soulo Project, no YouTube

Eleita pelo jornal britânico The Telegraph como “a melhor cafeteria do mundo”, Truth Coffee Roasting é uma boa pedida na área gourmet da cidade. Para além do serviço e títulos, vale a pena visitar pelo ambiente acolhedor e aconchegante que Truth Coffee Roasting oferece. É um bom lugar para simplesmente estar e curtir o momento.

21. Boulders Beach

Vídeo publicado pelo canal The Bucket List Family, no YouTube

O nosso último ponto não é exatamente em Cape Town, mas vale dar um pulinho até a partir da cidade. Boulders Beach fica no caminho para Cape Point e é mais uma atração turística que vale a pena por fortalecer nossos vínculos com a natureza. Ali você vai encontrar a colônia de pinguins, um dos pontos altos da visita. Uma boa dica é sair cedinho e aproveitar o local ainda calmo, sem tantos turistas. É um ótimo passeio também para quem está viajando com crianças. Elas certamente irão adorar!


Saiba mais sobre a África do Sul!


O primeiro post da série sobre a África do Sul você confere aqui. Nele, falamos um pouco do país como um todo e damos algumas dicas espertas pra se virar por lá. Para acompanhar tudo que acontece nos Iglus e as novidades da Oficina de Inverno, em primeira mão, siga-nos no Facebook e Instagram. Dúvidas ou sugestões? Fale com a gente nos comentários!

Vale lembrar que o governo de Cape Town também fornece um guia bastante completo com vários tipos de atividades turísticas que a cidade oferece. Disponível aqui (em inglês).

  • Reply
    Joana
    19 de julho de 2018 at 16:53

    Estou querendo viajar sozinha. É seguro ir para Africa do Sul?

    • Reply
      Mamute
      30 de julho de 2018 at 16:28

      Olá Mamute, saudações geladas!

      Sua pergunta gerou um post, onde respondemos essa e outras perguntas. Confira aqui

      Espero que ajude!

      Sopros de neve,
      Mamute Ananda

Leave a Reply