Instagram

Siga o Mamute!

Planeje-se Portugal

Vale a pena fazer intercâmbio em Portugal? Confira dicas e saiba mais

14 de Janeiro de 2019
Intercâmbio em Portugal

Estudar fora é um sonho para muita gente, mas pode perfeitamente ser tirado do papel e concretizado. Uma boa dose de planejamento – tanto pessoal como financeiro – serão necessários, mas não é uma coisa de outro mundo. Fazer intercâmbio em Portugal é uma opção para muita gente. A facilidade da língua, clima mais semelhante ao do Brasil e a própria paixão pelo país movem essas escolhas. Pensando nisso, a Oficina de Inverno traz dicas para quem está se perguntando se vale mesmo a pena fazer intercâmbio em Portugal.

Dados do Relatório de Imigração, Fronteiras e Asilos do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) divulgados no ano passado mostraram que o número de brasileiros com visto de residência em Portugal aumentou em 2017, após seis anos em queda.

Ainda não há dados de 2018, mas já podemos dizer que há uma grande comunidade brasileira vivendo em solo português. Conforme reportado pelo jornal Folha de S. Paulo, os brasileiros continuavam sendo a maior comunidade estrangeira vivendo no país, com 85.426 cidadãos.

INTERCÂMBIO EM PORTUGAL: VISTO DE ESTUDANTE

Intercâmbio em Portugal

Estar com a documentação em dia e cumprindo todos os requisitos é fundamental – Foto: Agência Brasil

Duas coisas são necessárias antes de pedir o visto de estudante para Portugal: 1) o passaporte, claro – informações aqui; 2) ser aceito e estar matriculado em uma escola ou universidade portuguesa. Todo o processo deve ser feito no país.

Se você ficará por um período superior a um ano em Portugal, deve pedir um Visto de Residência para Fins de Estudos. Se o intercâmbio em Portugal durar um período inferior a um ano, você deverá pedir um Visto de Estada Temporária para fins de estudos.

Vale lembrar que, além do visto, é necessário que o estudante faça o seguro saúde, estar com o cartão de vacinas atualizado e ter a Carteira de Vacinação Internacional.

ADAPTAÇÃO AO PAÍS

Intercâmbio em Portugal

As amizades são essenciais na adaptação ao novo país – Foto: Priscilla Du Preez/Unsplash

Com as novas tecnologias, adaptar-se a um país novo, uma cultura diferente, ficou bem mais fácil. E para matar a saudade da família e amigos também! Ainda assim, a adaptação tende a ser um processo difícil. O novo, ao mesmo tempo que anima, nos dá medo. Por isso, você pode lançar mão de algumas estratégias para solucionar essa situação.

Nós recomendamos que você pesquise muito sobre Portugal antes da viagem. Isso é fundamental para conhecer mais a cultura do país… O que é aceitável ou não dentro dos costumes – abraços demais, por exemplo, não é uma coisa muito comum entre os europeus -, o clima, o modo e o custo de vida. A partir dessa pesquisa exploratória você pode conhecer a terrinha e viajar bem preparado! Aqui no blog você encontra uma série de conteúdos sobre o país.

Além disso, tente começar algum tipo de contato com alguém da cidade que você vai viajar – seja da escola ou universidade, a família que irá te acolher – ou mesmo ver se existe alguma iniciativa da comunidade de brasileiros por lá. É sempre bastante positivo esse contato antes da viagem.

FIQUE DE OLHO!

É preciso estar atento aos requisitos para entrada em Portugal e estar sempre munido dos documentos requisitados. Em 2017, 63% das recusas de entrada no país foram para brasileiros. Ao todo, 1.336 brasileiros foram barrados no aeroporto. Isso aconteceu por vários motivos, desde a ausência de justificativas para a viagem a vistos inadequados.

INTERCÂMBIO EM PORTUGAL: VAGAS

Intercâmbio em Portugal

O intercâmbio é uma excelente opção para adquirir novos conhecimentos e aprimorar outras habilidades, como a comunicação – Foto: Eliabe Costa/Unsplash

Se você ainda não tem nada planejado para um intercâmbio em Portugal e chegou até aqui justamente porque está pesquisando mais sobre o assunto, talvez esteja curioso sobre oportunidades no país. Para encontrar vagas, há diversos locais que podem ser acessados. Para quem busca opções de mestrado e doutorado, umas das principais instituições é a Universidade do Porto, sempre apostando na internacionalização e oferecendo vagas para estudantes internacionais. Para graduação, é possível ingressar com a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM). Ao todo, são 600 cursos oferecidos por lá. Outras cidades com grande oferta são Coimbra, Lisboa e Évora.

Para pesquisar vagas, além do bom e velho Google, nós indicamos sites como o Partiu Intercâmbio, Estudar Fora e os sites das universidades desejadas. Entre as opções de bolsa, uma das mais completas – e competitivas – é oferecida pelo Erasmus Mundus, o programa da União Europeia que tem oportunidades para Portugal.

Como você pode perceber, há muitas vantagens em escolher Portugal e vale a pena sim fazer intercâmbio por lá. Se você ainda tem alguma dúvida, basta falar com a gente nos comentários. Não esqueça que estamos sempre a postos no Instagram, onde você pode entrar em contato facilmente também.

Já conversamos com o Luiz Henrique Machado, que é intercambista. Na época ele nos contou sobre a vida em Évora, além dos principais pontos turísticos na cidade. Aproveite para ler esse post aqui e saiba mais sobre o assunto.

* Foto da capa: Chelsea London Phillips/Unsplash
** As imagens desse post são meramente ilustrativas.

    Leave a Reply